Indicações de Uso

RELACIONAMENTO COM A RECEITA

e-CNPJ A1

e-CNPJ A3

e-CPF A1

e-CPF A3

NFe A1

DIRF - Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte

x

x

x

x

x

DOI - Declaração de Operações Imobiliárias

x

x

PERDCOMP - Pedido Eletrônico de Restituição, Ressarcimento ou Reembolso e Declaração de Compensação

x

x

x

x

DACON - Demonstrativo de Apuração de Contribuições Sociais

x

x

x

x

 

DBF - Declaração de Benefícios Fiscais

x

x

 

 

 

DCIDE - Declaração de Dedução de Parcela da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico

x

x

 

 

 

DCP - Demonstrativo do Crédito Presumido do IPI

x

x

 

 

 

DEREX - Declaração dos Recursos em Moeda Estrangeira Decorrentes do Recebimento de Exportações

x

x

x

x

DCTF - Declarações de Débitos e Créditos Tributários Federais

x

x

x

x

 

DCRED - Declaração de Operações com Cartão de Crédito

x

x

 

 

 

DIF - Declaração Especial de Informações Fiscais

x

x

 

 

 

DIMOB - Declaração de Informações sobre Atividades Imobiliárias

x

x

x

x

 

DIMOF - Declaração de Informações sobre Movimentação Financeira

x

x

x

x

 

DIPI-TIP - Declaração/Prestação de Informações Econômico-Fiscais

x

x

 

 

 

DIPJ - Declaração de Informações Econômico-Fiscais das Pessoas Jurídicas

x

x

x

x

 

DMED - Declaração de Serviços Médicos

x

x

 

 

 

DNF - Demonstrativo de Notas Fiscais

x

x

 

 

 

DPREV - Declaração sobre a Opção de Tributação de Planos Previdenciários

x

DTTA - Declaração de Transferência de Titularidade de Ações

x

x

e-CAC - Central de Serviços da Receita Federal

x

x

x

x

IRPF - Imposto de Renda de Pessoa Física

x

x

x

x

Uso Corporativo ou Pessoal

Além das aplicações governamentais, existem inúmeros sistemas de mercado que utilizam o certificado digital como chave de autenticação, mecanismo de integridade e sigilo da informação, aumentando a confiança nas transações eletrônicas.


Diversos programas de computador, como o correio eletrônico da Microsoft, o Outlook, utilizam o certificado digital como mecanismo para aferir maior autenticidade em termos de autoria, privacidade e sigilo às mensagens trocadas; softwares que assinam digitalmente documentos diversos e contratos garantindo autoria e integridade dão validade jurídica igual ao documento físico assinado com firma reconhecida.


O certificado digital é muito utilizado como mecanismo de autenticação forte de usuários, na qual é imprescindível garantir a identificação inequívoca de quem está acessando um recurso computacional ou informação eletrônica. Muitos sistemas, como o próprio Windows, possui suporte para realizar a autenticação baseada em certificados digitais, simplificando o acesso e eliminando senhas complementares.